Blog

Planejar para não contar com sorte...

Planejamento Tempo
Como dito em texto anterior, o planejamento é necessário para qualquer pessoa ou empresa que deseja alcançar seus objetivos e se destacar num mercada cada vez mais competitivo e globalizado. Um dos principais objetivos do planejamento estratégico é preparar a empresa ou pessoa a antever as necessidades [internas e externas] e os riscos do segmento de atuação, bem assim os desafios apresentados pelo mercado e do momento que país atravessa, com o propósito de gerar energia e força competitiva à empresa.

As pequenas e médias empresas [PME] são demasiadamente importantes para a economia do país. Entretanto parte significativa dessas empresas negligência o planejamento estratégico: em muitos casos a empresa até prepara o planejamento estratégico, mas falha na execução ou nem o executa. Outras – infelizmente, sequer produz o documento de planejamento.

Entretanto, diferente do que muitos acreditam, as PMEs – felizmente, estão buscando a construção de seu planejamento estratégico para destacarem, aja visto que precisam desse destaque para conseguirem crescer em um cenário de concorrências e incertezas do país.

Os variados tipos de mídias [Jornais, TV, revistas] apontam o crescimento significativo da PMEs no Brasil, gerando empregos, principalmente para os jovens que busca seu primeiro emprego.

Restam menos de 50 dias para o término de 2015 e o próximo ano de 2016 será repleto de desafios em virtude do momento que Brasil vive. Sua empresa já está preparando o planejamento para o próximo ano, ou contará com Sorte?

Nos te ajudamos a preparar o plano estratégico da empresa e seguimos juntos para acompanhar e colaborar para que mudanças e transformações aconteçam de verdade.

Contate: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

Planejamento Estratégico - Melhor caminho para o sucesso

tracks 472245 1280

 

O país está em um momento difícil, tanto para pessoas como empresas. Diante de cenário de incertezas e um mercado ainda mais competitivo em virtude novos concorrentes, novos produtos, inovações, novos serviços, novos modelos de negócio e também pela Internet e redes sociais. Então, para uma empresa destacar-se é necessário planejar, mas principalmente executar os planos elaborados.
No Brasil, ano após ano, centenas de empresas são abertas e iniciam seus negócios, mas infelizmente muitas dessas empresas encerram suas operações pouco antes do seu quinto ano de vida. As justificavas recaem principalmente sobre a alta carga tributária e mais recentemente pela economia ruim. Entretanto, a principal razão é a falta de planejamento. Algumas empresas até elaboram seu planejam estratégico, mas não o executam.
Os planos devem ser estabelecidos de forma a serem utilizados no momento e local corretos. Boa parte das empresas usam o planejamento estratégico em busca de melhorar seu desempenho ano a ano, porém parte significativa das empresas ainda não adotaram esta forma de administração e gestão de seus negócios.
As empresas que não executam seu planejamento estratégicos ou se esforçam para modificar o modo de atuação no mercado, tornam-se escravas das correntes de mudanças e não parte atuante dessas mudanças, o que implica no encerramento das atividades da empresa e consequente desaparecimento do mundo dos negócios.
Um dos principais objetivos da elaboração do planejamento estratégico é prover a organização de conhecimento que possibilite antever as necessidades internas, do seu segmento de atuação e os desafios e riscos a serem enfrentados, a fim de gerar meios para superar as forças competitivas. A empresa deve preparar um diagnóstico estratégico, porém empresas de pequeno e médio portes encontram dificuldades para levantar informações que viabilizam o diagnóstico, que identificará fatores críticos para o sucesso, forças, fraquezas, oportunidades e ameaças. Os diagnósticos produzidos servirão de alicerce para elaboração da estratégia e planejamento das iniciativas e ações, que conduzirão a empresa ao atingimento de suas metas e objetivos.
As empresas necessitam conhecer seus concorrentes para que possam obter vantagem competitiva pela diferenciação de produtos, serviços e atendimento ao cliente. É necessário que o planejamento esteja alinhado às estratégias de curto, médio e longo prazo. As pequenas e médias empresas têm a vantagem por estarem mais próximos de seus clientes, possibilitando que os ouçam e rapidamente executem ações corretivas, mas ainda assim o planejamento estratégico é instrumento imprescindível, que encurtará a jornada ao sucesso.

0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

INFORMAÇÃO É ESSENCIAL...

Não há dúvidas que Informação é Essencial, quiçá Vital a qualquer organização!

Em todos os segmentos da sociedade e da economia, a informação e Tecnologias relacionadas agem como elemento impulsionador do desenvolvimento. No mundo empresarial não funciona diferente! Atualmente, todo e qualquer modelo de negócio novo necessitará de ferramentas de suporte para lidar com informação, vez que o volume de informações sempre cresce, sendo necessário o auxílio das Tecnologias em Informação para lidar com os grandes volumes de informações.

A Tecnologia da Informação é a área de conhecimento utiliza diversos meios para: criar, administrar, manter, gerir, disponibilizar e transmitir a informação e para isso usa os mais diversos dispositivos e equipamentos de forma as informações que auxiliem a tomada de decisão.

Mas como fazer uso da informação disponível, tal que essa ajude no crescimento do negócio? Esta é a maior dúvida na cabeça de empreendedores e empresários de pequenas e médias empresas [PME]. Imagina-se – de imediato, o alto custo do uso de recursos de Tecnologia da Informação e Comunicação – Software, Hardware e pessoas.

Atualmente é difícil imaginar a concepção de um empreendimento e/ou negócio e desconsiderar o elemento “Informação” e eventuais tecnologia relacionadas.

Entretanto, um aspecto interessante ao lidar com informações diz respeito a tecnologia. A tecnologia em informação - TI está presente em praticamente todas as atividades desenvolvidas pelo homem e não necessariamente com a utilização de dispositivos e sistemas sofisticados. E muita confusão se faz sobre tecnologia da informação, essencialmente sobre custo e uso de equipamentos e sistemas. Mas para usar informação disponível da organização, não necessariamente são necessários investimentos significativos.

Considerando o crescimento da criação de novas empresas citado anteriormente, associado ao aumento da competitividade dos mercados, tendem a gerar impactos expressivos na forma de lidar com a informação, bem assim com a utilização de TI, com reflexos diversos na gestão de uma empresa de pequeno ou médio porte.

O crescimento da Internet impactou nossa rotina, pois o volume de informações que nos alcançam cresce todos os dias. Essa quantidade crescente de informações traz consigo oportunidades interessantes, que possibilitam alavancar toda sorte de negócios.

No Brasil, em virtude de um ambiente político e econômico – instável e de constantes mudanças, as empresas de qualquer porte ou tamanho necessitam controlar e monitorar as diversas variáveis do ambiente corporativo, alinhando a utilização de seus recursos buscando melhorar seus resultados.

Diante deste contexto de crescimento da criação de empresas, competitividade, instabilidade dos mercados somados ao volume sempre crescente de informações, surge a necessidade de as empresas fazerem maior e melhor uso da TI para dar o devido suporte ao seu negócio e diferenciar-se.

0
0
0
s2sdefault
powered by social2s